4.10.2007

Comércio do Medo!

Comércio do Medo
P’taah através de Jani King
março de 2007



A GUERRA É MANIFESTADA ATRAVÉS DE CRENÇAS MORALISTAS
Amados, bom dia. Então deveremos começar com as perguntas?
P’taah, você poderia falar sobre as coisas terríveis que parecem que estão acontecendo no mundo?

Está certo. Estes eventos podem ser considerados como uma co-criação – falando amplamente – para atrair a atenção para a verdade maior de que não há tal coisa como “eles e nós”. Agora, há facções que se mantêm a uma crença, a uma verdade. Há uma facção que acredita nisto e uma facção que acredita naquilo, e em seu mundo há uma idéia de que este ou aquele grupo são os únicos que detêm a verdade.

Observando de uma perspectiva mais ampla, nós lhes lembramos de que cada um de vocês é um corpo de energia, uma freqüência que surge da sopa do Universo, da Fonte ou o que vocês chamam de Deus. Nós preferimos, neste caso, não usar a palavra “Deus”, porque, para a maior parte de vocês, vem como uma idéia de uma entidade.

Nós falaríamos como o campo unificado da energia infinita e da consciência. Cada um de vocês é uma manifestação desta energia, assim todos vocês são corpos de energia aglutinada. Vocês vêm do mesmo lugar. Vocês são a mesma “coisa”, e criam o seu mundo através de suas idéias e crenças.

Agora, as suas idéias e crenças são a sua verdade nisto; entretanto, a sua verdade não é mais válida do que qualquer outra verdade.

E quando vocês têm grupos de pessoas ou grupos de consciência julgando que a deles é a única verdade, então realmente, vocês manifestam uma guerra e situações violentas, nas quais vocês poderiam até permitir que os seus irmãos e irmãs vivam em uma pobreza abjeta ou em outros tipos de situações muito caóticas.

Assim, vocês podem dizer que em uma perspectiva mais ampla, o seu 11/9 foi um chamado de despertar para a humanidade. Enquanto vocês avançam em sua tecnologia e enquanto os seus instrumentos de guerra se tornam mais e mais instrumentos de destruição de massa, então é somente lógico olhar para isto e se perguntarem até onde vocês querem que isto realmente vá. Nós lhes lembraríamos que vocês criam a realidade absolutamente. Não há vítimas aqui, mas sim aqueles que escolheram a algum nível fazer parte deste presente ao seu mundo e a sua sociedade, para transformar os velhos padrões de pensamento que estão criando estas situações.

Como nós – como uma pessoa do mundo, todas as pessoas do mundo – farão uma diferença com os líderes do nosso mundo, com as pessoas que parecem ter os poderes de tomar as decisões?

Amado, aqueles que supostamente representam vocês, de certo modo, manifestam somente aquilo que é parte da consciência coletiva. Vocês não têm que fazer com que os seus líderes façam algo.

Vocês somente têm que mudar a cada dia isto para vocês, a mente, o seu palavreado e os seus pensamentos. É quando vocês manifestam aquilo que seria um velho pensamento de “eles e nós”, ou um velho pensamento de que “aquelas pessoas” estão erradas, ou que “aquelas pessoas” não são tão boas quanto nós, ou até o medo de serem oprimidos por aqueles que vocês consideram como os seus inimigos. Quando vocês puderem assimilar estas idéias, parem e digam: “Esta é, na verdade, a minha verdade, ou é simplesmente isto que eu posso expandir e me lembrar de quem realmente somos, o que poderíamos realizar e o que poderíamos transformar, simplesmente pelo pensamento e interagindo com o medo que surge como resultado destas velhas crenças?” Isto faz sentido?

Sim.

Não significa que necessariamente vocês deveriam mudar outras pessoas. Vocês somente podem fazer isto para vocês mesmos, e quando vocês fizerem isto por vocês mesmos, então, certamente, começarão a transformar aquilo que é o corpo da consciência coletiva.


UM AUMENTO NA PERCEPÇÃO DA VIOLÊNCIA

Há uma razão para a quantidade terrível de crueldade e violência em nosso mundo ultimamente, ou nós estamos apenas mais conscientes disto?

Nós diríamos que vocês estão apenas mais conscientes disto, devido ao seu modo mais eficiente de comunicação – comunicação instantânea.

Assim, houve uma vez em que vocês não estavam realmente tão conscientes, ou certamente prestando tanta atenção. Quanto mais vocês tiverem que prestar atenção ao que estiver acontecendo no mundo, mais vocês se ambientarão, assim falando, nisto que é a violência. Entretanto, nós diríamos também, que certamente não há muito decréscimo na violência em sua sociedade. A sua sociedade está provocando mais e mais medo.

Por que isto? Bem, é porque não lhes foi ensinado como interagir com o que está acontecendo em sua vida, porque nunca lhes foi ensinado quem vocês são realmente. Os seus métodos de educação estão realmente obsoletos. E há muito movimento, em todas as posições da sociedade, para realmente observar estes problemas e começarem a transformar a estrutura de crenças. Em outras palavras, vocês têm uma idéia mais ampla de quem vocês são e como podem ser capazes de retornar ao poder, ao seu próprio poder pessoal.

Grande parte do medo que se manifesta na violência é simplesmente o medo da impotência, que é causada pela falta de compreensão de que vocês são absolutamente deuses soberanos, que participam deste jogo chamado vida e que vocês têm o poder para transformar qualquer coisa.


A EDUCAÇÃO ALÉM DA IDÉIA DO SUCESSO E DO FRACASSO

Vocês mencionaram a educação. Como nós poderíamos como pais – particularmente pais com filhos que não agem bem, que parecem não se adaptar ou não estarem à altura de nosso sistema educacional tradicional – ajudarmos a educar os nossos filhos de um modo alternativo e prepará-los para as mudanças que estão chegando?

Bem, na realidade, vocês são muito afortunados neste país, pois têm algumas alternativas em seu sistema educacional. Entretanto, nós diríamos duas coisas que são importantes. Primeiro vocês deveriam compartilhar o seu conhecimento com os filhos enquanto vocês crescem e se expandem, de modo que as crianças possam realmente vir a reconhecer o que muitas delas intrinsecamente sabem:

Que elas são soberanas e poderosas. E segundo, lembrá-las que elas podem praticar a cooperação, mais do que a competição.

Diríamos também que vocês não deveriam levar esta coisa de educação tão seriamente. Quando as crianças estiverem prontas a aprender sobre um tema desejado, então certamente, elas o aprenderão. Quando dizemos, “Não levem isto tão seriamente”, queremos dizer que muitos de vocês são apanhados na idéia do sucesso e do fracasso. Quando vocês souberem que não há tal coisa como fracasso, então vocês poderão comunicar isto ao seu filho, e desta maneira, a criança poderá então dirigir as suas energias e interesses ao que realmente é fascinante. Assim, quando elas crescerem, elas se focalizarão naquilo que seria de seu benefício, e não serem forçadas a aprender o que elas não estão interessadas e forçadas a estarem à altura ao que é considerado como a marca do sucesso – que se vocês não fizerem isto, então nunca conquistarão algo em sua vida. Vocês compreendem? É um padrão de pensamento totalmente diferente.

O que teremos, em um futuro próximo, modos e métodos de educação? Instituições diferentes?

Certamente! Absolutamente! Vocês criarão isto desta maneira. Isto já está ocorrendo.


MUDANÇAS POLÍTICAS E GEOGRÁFICAS

Parece que há um aumento nos filmes, nos shows de televisão e nos livros que se referem aos outros mundos e a seres de outros mundos, mas eles são freqüentemente apresentados de um modo negativo. Por que isto?

Bem, certamente, vocês sabem que em seu mundo, o medo se introduz muito bem. Ele faz uma boa história. Entretanto, há muito se apresentando em seu entretenimento que focaliza a idéia dos universos e civilizações além deste planeta de uma forma benigna e muito expandida. Há muito mais pessoas hoje que até reconhecem a possibilidade das civilizações além deste plano e além deste planeta. E quando dizemos “planeta”, queremos dizer “plano”. Vocês compreendem? Houve uma vez, há não muito tempo atrás, que qualquer pessoa que falasse sobre isto como uma verdade, seria confinada em um local para pessoas que não estão bem. Assim, quando vocês olharem para estes anos passados, poderão ver como a consciência de sua sociedade está realmente mudando.

Você supõe que poderemos esperar que haja paz em nosso mundo?

Sim.

(Ri suavemente). Uma breve resposta, isto é bom! Você ou vocês poderiam nos contar algumas das coisas que estarão ocorrendo durante as maiores mudanças que estão chegando ao nosso mundo?

Em relação ao quê?

Eu suponho que seja em relação ao que todos estão considerando como mudanças mundiais. Elas mudarão a forma dos países?

De certo modo, isto já está acontecendo. O seu mundo nunca foi estático – nem politicamente, e nem nesta configuração. Assim, as formas dos países mudarão certamente, tanto política quanto geograficamente, e continuarão a mudar. Estas mudanças já estão ocorrendo, mas vocês podem dizer que esta foi uma mudança contínua.

Se vocês perguntarem se haverá maiores calamidades, bem, vocês criarão isto como desejarem, porque o seu planeta também não está separado de sua consciência. Vocês co-criam com o que é denominado como energia da Deusa para experienciar o seu mundo externo que vocês chamam de Terra. Vocês poderão criar isto de um modo que seja terrível e calamitoso, ou poderão criar estas mudanças de um modo muito maravilhoso e de reverência, de um modo mais inspirado.

Há lugares no planeta onde os indivíduos podem acessar, de uma forma mais poderosa, esta energia da Deusa, e conectarem-se com esta energia? Há locais onde isto seja ampliado?

Há locais que ressoam para inspirar alguém a demonstrar dentro de si mesmo. Entendam, a natureza do seu planeta realmente demonstra todas as facetas. O que vocês chamariam de princípio de deus ou princípio da Deusa, entretanto, ressoa de modo diferente para pessoas diferentes. Assim como vocês se tornam mais conscientes do externo que reflete isto ou ressoa com isto.

Por exemplo, vocês se encontram no continente da Austrália e vocês se encontram no setor norte e leste, que é rotulado como tropical; que é magnífico; que é muito, diríamos, curvo. Ele tem uma temperatura ambiental que é quente. Para muitas pessoas, ressoa muito com a energia da Deusa. Outras pessoas não o consideram assim. Uma das razões pela qual vocês se mudaram para aqui é porque isto excita a Divindade dentro de vocês. Isto faz sentido?

Sim.

Quando vocês descreverem as partes do seu planeta, vocês poderão realmente identificar para vocês mesmos o que isto significa para vocês e com que faceta sua isto ressoa. Algumas partes do seu planeta podem parecer muito femininas, e outras podem parecer muito masculinas. Mas realmente não são as partes da Terra que são desta forma ou daquela; é mais como vocês são.


INTERROMPENDO O ESFORÇO

Você poderia comentar este esforço poderoso, que estamos tentando fazer objetivando a nossa expansão?

Bem, certamente. Vocês conhecem o esforço porque se esqueceram quem são vocês. A verdade é que não há nada a fazer. Todos vocês se empenham para a sua expansão e lutam para tentar se tornar mais e melhores porque vocês acham que não são dignos. E vejam, a verdade é que vocês são perfeitos agora. Vocês nunca serão mais perfeitos do que são neste momento. Vocês são uma extensão da mente da Fonte, expressando-se nesta realidade dimensional. Vocês são perfeitos.

Assim, o que os impede disto? Bem, são somente as velhas crenças. É somente esta pequena parte sua.

E quando vocês compreenderem que vocês são mais do que pensam que são – mais do que o corpo, mais do que a mente, mais do que a emoção – então vocês poderão manter este pensamento com vocês; então vocês poderão se permitir a estar dia a dia, momento a momento, em seu ser criativo. Vocês não são solicitados a fazer algo. Não há ninguém os julgando e dizendo: “Oh, bem, vocês fracassaram nisto”, ou “Vocês nunca alcançarão lá porque vocês fazem isto ou aquilo”. Todos vocês são deuses que participam deste jogo, e quando vocês puderem interromper o esforço, então poderão se permitir a serem mais criativos. Vocês pretendiam ter diversão em sua vida e conhecer mais e mais a alegria.


VENDO ALÉM DOS RÓTULOS DA CARÊNCIA

Vocês têm algum conselho para vários destes amigos que estão certamente em uma situação relacionada à falta de emprego e finanças?

Bem, novamente, trata-se de esforços e trata-se de observar as crenças que mantêm a estrutura da carência percebida. Seja ela a falta de um emprego ou a falta de dinheiro, não há diferença. Tudo isto se trata de carência. E nós lhes perguntamos, qual é realmente a diferença entre carência e abundância?

É apenas uma idéia.

É apenas uma idéia. Assim, observem quantas vezes em um dia, pelo pensamento ou pela verbalização, vocês reforçam a idéia da carência. A idéia da carência cria uma reação. A crença na carência cria uma reação, uma emoção. Deixem-nos dizer que a emoção é somente energia, assim não há nenhuma diferença – riqueza ou pobreza. É ainda simplesmente isto que é um conceito e o que é rotulado energia.

Assim, vocês têm isto que é denominado pobreza, e que determina um tipo de limite em torno da freqüência energética. Ela se torna um obstáculo de energia rotulado “pobreza”, rotulado “nenhum emprego”, rotulado “indigno”. Vocês compreendem? E quando vocês podem recuar disto e simplesmente observar esta energia, então vocês compreendem que não é nada mais do que a energia com um rótulo. Quando vocês podem mudar o foco deste rótulo para outro rótulo, como isto parece? Vocês estão além disto, vocês não são parte disto; vocês estão apenas observando. Quando vocês observarem, perceberão que não estão necessariamente ligados a isto e que podem mudar o conceito.

Também quanto vocês estão focalizados, e quanto vocês verbalizam sobre o que vocês têm? Quando dissermos a vocês: “Oh, mas vocês são muito abundantes”, digam: “Oh, sim nós somos muito abundantes”. Entretanto vocês se esquecem, vocês ficam tão presos em suas histórias de pobreza – de carência, sem dinheiro, sem emprego ou qualquer que seja a história – vocês se esquecem de estar na freqüência da abundância que vocês realmente estão em cada jornada!

Assim, diríamos que estejam muito atentos ao estarem no conceito da carência que os impedem de serem criativos, que os impedem de avançar, que os impedem de estarem na alegria que conduz a mais criatividade. Quando vocês estão no conceito e no sentimento da abundância, pela gratidão pelo que é, pelo que verdadeiramente vocês têm, então vocês estão no espaço da expansão, prestando atenção e preparados para avançar na nova idéia ou no novo modo de ser.

O que também ocorre é que quando vocês estão presos no obstáculo da energia chamado “medo da carência”, vocês nem mesmo vêem o que é apresentado a vocês, ou não podem dar o passo para compreender até os pensamentos que possam vir, aqueles que são realmente muito criativos. Assim lhes dizemos que sejam mais conscientes. É uma mudança muito simples de foco para mudar a freqüência.

Está certo, nós diremos que é suficiente no momento para este dia. Assim, meus queridos, nós lhes agradecemos realmente por esta maravilhosa comunicação, e ficamos em uma expectativa excitada do próximo Agora, quando poderemos continuar. Assim, até então nos despedimos de cada um de você,
Namastê.

P’taah

Através de Jani King

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home