4.28.2008

A Importancia da Agua!

As descobertas do Dr. Emoto e a importância crescente da água na nossa vida.
Através do microscópio electrónico o Dr. Masaru Emoto, pesquisador Japonês, tem vindo há anos a fotografar as moléculas da água. Ele descobriu que ela é sensível aos padrões energéticos em que a mesma entra em contacto.
Depois de fotografar centenas de amostras de água de várias proveniências, Emoto chegou à conclusão que a água responde às vibrações do meio.
Resolveu então sujeitar a água a vários géneros musicais, tendo concluído, sem sombra de dúvida, que quanto mais harmónica é a música, mais bonitos e bem formados são os cristais por ela formados. Por outro lado a água sujeita a música barulhenta e sem harmonia não conseguia sequer formar cristais.
Fez ainda outra experiência com várias amostras de água com a mesma proveniência, tendo colocado em cada um dos recipientes frases ou palavras.
Constatou então que a água que tinha palavras de “ obrigada” e “és linda”, formava cristais perfeitos em claro contraste com a que tinha sido sujeita a palavras como “parvo” e “vou-te matar” que não formava cristais.
Se pensarmos que 70% do nosso organismo é composto por água, a qualidade da água que ingerimos torna-se de primordial importância para a nossa saúde.
Assim, conceitos ligados à água, existentes em muitas religiões, como a água benta ou a água de baptismo e ainda a água magnetizada, tornam-se agora perfeitamente aceitáveis.
A água é uma substância de enorme maleabilidade e ela tema a capacidade de armazenar, dissolver, incorporar no seu seio uma enorme quantidade de outras substâncias, quer líquidas, que sólidas.
Os impulsos eléctricos provocados pelas nossas formas pensamento afectam toda a nossa estrutura, mas afectam em primeira instância os 70% de água de que somos formados e esta por sua vez circula por todo o corpo levando consigo a informação. Daí que o que pensamos, conjuntamente com a qualidade da água que ingerimos possa fazer a diferença entre a saúde e a doença.


0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home